Sul – A região vice-líder no consumo nacional de resinas

por / quinta-feira, 01 março 2012 / Publicado em Noticias

Fonte: Plástico em Revista

“No RG do plástico, filmes, descartáveis e tubos formam as impressões digitais de Santa Catarina. Essa identidade deve ser acrescida em breve com a ênfase em peças técnicas esperada com a escolha do Estado para sediar a fábrica brasileira da BMW, cuja montagem do carro Série 1 deve partir em 2014, e com a unidade de motores da GM em construção em Joinville.

“Nossa indústria é abrangente, diversificada e só perde para São Paulo em volume e faturamento”, atesta Albano Schmidt, presidente do Sindicato da Indústria de Material Plástico no Estado de Santa Catarina (Simpesc) e da transformadora Termotécnica. Entre os predicados catarinenses, o dirigente distingue a qualificação de mão de obra, mérito de universidades e escolas técnicas conectadas às expectativas da iniciativa privada, inclusos transformadores e ferramentarias. No atlas da indústria brasileira, Santa Catarina não tem páreo como cluster. Ou seja, traduz o consultor Michael Porter, concentrações geográficas de empresas de determinados setores e organizações correlatas, desde fornecedores de insumos a instituições de ensino e clientes….”

” …Do plano de ação do Simpesc para este ano, Schmidt se aferra à realização em agosto, em Joinville, da feira Interplast 2012, e à participação de oito transformadoras (foram sete certificadas em 2011) no Programa de Desenvolvimento de Cadeias Produtivas, projeto do sindicato em conjunto com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL, de educação executiva) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). “Estarão em treinamento e envolvidas em consultoria por 18 meses”, ele completa.”

Saiba mais em: Plástico em Revista

Deixe uma resposta

TOPO